mapa anual de remoinhos, desde 07 de Junho de 2008
ip-location
HELP TIBETE!
opiniões sobre tudo e sobre nada...
Sábado, 31 de Janeiro de 2015
Privatizações e impostos

Privatizações: uma forma de receber impostos sem qualquer contrapartida social? Um lavar de mãos da responsabilidade social?

Todos já percebemos que muitos dos direitos conquistados com o 25 de Abril estão a desaparecer a uma velocidade vertiginosa. O que demorou a construir, leva pouco tempo a destruir. E é a isso que temos vindo a assistir. Não há diferença entre público e privado desde que haja honestidade e visão. Da primeira não vale a pena falar, a recente história financeira do país tem numerosos exemplos. O problema? O dinheiro público é sempre o sacrificado à má gestão pública e privada. Os contribuintes perdem o dinheiro que confiadamente entregaram aos Bancos, ao verem-se confrontados com a falência e a mentira e, ainda por cima, vêem o dinheiro dos seus impostos, enterrado nos mesmos Bancos que desviaram as suas economias. Outra questão se coloca… Como acreditar em instituições que se desacreditaram a si próprias? (Como acreditar em pessoas que dão o dito por não dito?) Do mesmo modo, os políticos caíram no descrédito… Muita gente já não vota nos rostos conhecidos pensam fazê-lo quando apostarem em caras novas. (Mesmo assim, nada nos garante que estas não sejam a continuação das outras.) Resultado: está tudo posto em causa e o pior é que os governantes parecem ainda não ter dado conta disso.

E como se isto ainda não bastasse, temos agora a escolha das privatizações que parecem ser a única alternativa ao descalabro de uma política económica desastrosa. O problema é o critério destas privatizações… parecem estar a vender o país em leilão…

Depois de uma tsunami de privatizações que avassalou o país e o pôs nas mãos de estrangeiros, cujo intuito é unicamente o lucro (electricidade, gás, água…), outras parecem estar na forja. Um exemplo disso é a privatização parcial da nossa companhia aérea. Antes disso, porém, deparei-me com uma notícia que avançava com a ideia de privatizar a educação, a saúde e… os bombeiros. (Bem, nós já pagamos tudo ou quase tudo nos hospitais. A saúde já é praticamente privada e as seguradoras não param de aliciar os possíveis clientes com seguros de saúde. Para que tem pouco ou nenhum dinheiro, esta não é a solução ideal.) É como se os governantes não soubessem resolver a crise sem se livrarem dos serviços públicos ou se servissem da crise para se livrarem de despesas! Ora, se deixamos de ter contrapartidas, para quê pagar impostos, que, ainda por cima, são dos mais altos da Europa? Servirão apenas para aumentar os salários dos governantes e do seu interminável clientelismo? E o que acontecerá quando estivermos entregues a nós próprios, com os ordenados miseráveis que temos, e com todas as despesas de saúde que são anormalmente caras? Será que pensarão aumentar os ordenados dos trabalhadores, como acontece na Suíça, onde os ordenados são suficientemente altos para as pessoas poderem fazer face a todas as suas despesas sem angústias?

Não será o problema dos políticos e gestores a visão curta e estreita que demonstram em cada decisão? O que pensar de pessoas que, por qualquer razão obscura, estão a destruir serviços públicos admirados na Europa, substituindo-os por algo nada promissor? A razão? A poupança… mas será que estão a fazer os cortes nos sítios certos?



publicado por fatimanascimento às 12:33
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

mapa mensal desde 7 de Junho de 2008
ip-location
mais sobre mim
contador
Free Web Counters
Free Counter
Agosto 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

sociedade e desigualdade

“Vai abrir a porta, filha...

Verdade, jornalismo e… co...

Refugiados

Esquerda unida

Evolução

Eleições e pensamento

Fiadores

Nova forma de trabalho es...

Combater a natureza com a...

arquivos

Agosto 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Devemos ser mesmo maus na...

A manifestação de Braga

links
leitores on line
online
URGENTE!
www.greenpeace.pt
sapo
blogs SAPO
subscrever feeds