mapa anual de remoinhos, desde 07 de Junho de 2008
ip-location
HELP TIBETE!
opiniões sobre tudo e sobre nada...
Terça-feira, 17 de Março de 2009
Coincidências ou não?

Sempre me interroguei se a nossa vida era feita de acasos ou se a mesma já estaria programada assim. Aqui, as opiniões divergem. Mas, há aspectos que eu não consigo explicar. Parece que naquele momento e naquele determinado lugar, mesmo quando não nos damos conta, estamos a contribuir com algo nosso. Refiro-me a situações simples, como uma conversa de cabeleireiro ou de café, etc.. Numa das últimas vezes que tive oportunidade de falar com uma pessoa, naquele determinado sítio e naquela determinada hora, a pessoa com que conversava aprendeu algumas ideias comigo. Não é que ela já não soubesse isso, mas, muitas vezes, não sei porquê, a mensagem parece não conseguir passar, pelos mais diversos motivos. Começámos por falar de assuntos banais, como o preço dos tratamentos de beleza e do cabelo, queixando-se ela que as pessoas não queriam pagar para obterem o resultado ideal, para a sua aparência. Ela queria mostrar as maravilhas que poderia realizar numa pessoa, caso esta estivesse disposta a pagar o preço justo. Justo, depreendi que seria sinónimo de caro, para a maioria das bolsas das clientes que apareciam no salão. Fiquei calada por momentos. Falei-lhe dos baixos salários responsáveis por essas posições tomadas pelas clientes. Era uma senhora, ainda jovem, uma daquelas empreendedoras natas que raramente encontramos na vida, dona de um estabelecimento de beleza. Passados uns momentos, eram as organizações de caridade que a chamavam ao telefone pedindo encarecidamente o seu donativo. Acenava negativamente com o indicador à empregada, mostrando-se renitente em responder à voz masculina que se desprendia do telefone sem fios e atravessava a sala. Ela tinha razão num aspecto: são muitas as necessidades e poucas as pessoas dispostas a ajudar. Ela era, ainda assim, uma das que contribuía regularmente, tanto quanto me apercebi. Ficou de telefonar. Mostrava-se cansada de tantos pedidos. Calmamente, mostrei-lhe que as necessidades, para além de prementes, eram diárias, daí a angústia com que se deveriam debater algumas delas, sobretudo as que acolhiam crianças enfermas. Ela acalmou-se. Entendera. A mensagem passara. Quando saí do estabelecimento, ela já não era só a alegre pessoa empreendedora e profissional, com dotes já demonstrados, mas uma pessoa mais permeável.



publicado por fatimanascimento às 11:45
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

mapa mensal desde 7 de Junho de 2008
ip-location
mais sobre mim
contador
Free Web Counters
Free Counter
Agosto 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

sociedade e desigualdade

“Vai abrir a porta, filha...

Verdade, jornalismo e… co...

Refugiados

Esquerda unida

Evolução

Eleições e pensamento

Fiadores

Nova forma de trabalho es...

Combater a natureza com a...

arquivos

Agosto 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Devemos ser mesmo maus na...

A manifestação de Braga

links
leitores on line
online
URGENTE!
www.greenpeace.pt
sapo
blogs SAPO
subscrever feeds