mapa anual de remoinhos, desde 07 de Junho de 2008
ip-location
HELP TIBETE!
opiniões sobre tudo e sobre nada...
Domingo, 2 de Novembro de 2008
Adeus aos vinte anos…!

Fazia 20 anos de profissão ao serviço do ensino público, no passado dia 28 de Setembro. Nunca fiz planos mas sempre soube que os iria festejar de alguma forma. Esperava por esse momento calmamente como quem espera por um momento muito bom na sua vida. Mais para o fim, pensava em reunir num almoço ou num jantar todos os colegas que, de alguma forma, me haviam marcado mais e com os quais trabalhara bem. Não seriam poucos! Dentro desta profissão, há muita gente má, mas também há gente boa. E há os maus mascarados de bons… há de tudo como em todas as profissões. Durante estes vinte anos, passei por muitas escolas diferentes, umas com melhor ambiente e outras com pior. Mas por todas onde passei, posso regressar porque sei que deixei saudades. Não é de admirar. Sempre fiz o meu trabalho e nunca interferi no trabalho de ninguém, a não ser quando me pediam e para ajudar unicamente. Sempre gostei do ensino e sempre mostrei aos miúdos que eu estava do lado deles para os ajudar a tingir a sua meta. E estava. E eles sabiam que não se tratava só de conversa. E tiveram a prova disso. O meu único erro foi ter pedido, há dois anos atrás, um fatídico destacamento que, por decisão ministerial, seria por  três anos. As colegas da escola onde estava efectiva, sempre me aconselharam a não o fazer, porque tínhamos um bom ambiente e, se eu saísse, poderia vir alguém que não fosse boa pessoa e o estragasse. Por meu lado, defendiam elas, eu não sabia se a escola para onde eu iria, na tentativa de poupar dinheiro em combustível, teria um bom ambiente ou se me iriam receber ou tratar bem. Elas pareciam adivinhar! Caí numa escola onde muitos outros, antes de mim, haviam só passado por um ano e não haviam gostado. Tinham, todos aqueles com quem falei, uma péssima ideia das pessoas com quem haviam trabalhado. Uma ex-colega minha do 12º ano, que por lá passou, contara-me que vira nos colegas uma “ignorância que roçava o obscurantismo”. Eu olhei para ela estupefacta! Outra dizia-me que aquelas pessoas não batiam bem. Sendo ou não assim, o facto é que me dei lá muito mal. O problema, tal como eu o interpreto, é quando as pessoas põem na cabeça que determinado colega é melhor do que ele, pode até não ser, mas é a mesma coisa para eles. A partir dali, gerou-se uma perseguição que culminaria com uma falta injustificada, que me foi comunicada dezassete dias depois. Percebi que era o início de muitos problemas que se adivinhavam. Eu conhecia o inimigo que tinha pela frente. Digo o inimigo, porque todos eles jogavam na mesma equipa, e cuidado aos que não fizessem parte dela! Tive uma equipa inteira a jogar contra mim! Muito corajosos! Para evitar então tudo quanto de mau se adivinhava, eu pedi a demissão, percebendo que o dinheiro não é tudo na vida. Mais do que uma pessoa me disse isso mesmo. E não me arrependo! O que não quero mesmo é lá voltar mais, ou cruzar-me com tais pessoas!

Não, nunca fiz planos… mas nunca imaginei uns vinte anos comemorados no desemprego! E com memórias recentes tão más!

 



publicado por fatimanascimento às 11:23
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

mapa mensal desde 7 de Junho de 2008
ip-location
mais sobre mim
contador
Free Web Counters
Free Counter
Março 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

Só anda descalço quem que...

"Bullies" /Predadores hum...

O que é a poesia?

Monarquia versus repúblic...

Meninas mulheres

sociedade e desigualdade

“Vai abrir a porta, filha...

Verdade, jornalismo e… co...

Refugiados

Esquerda unida

arquivos

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Agosto 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Devemos ser mesmo maus na...

A manifestação de Braga

links
leitores on line
online
URGENTE!
www.greenpeace.pt
sapo
blogs SAPO
subscrever feeds