mapa anual de remoinhos, desde 07 de Junho de 2008
ip-location
HELP TIBETE!
opiniões sobre tudo e sobre nada...
Sexta-feira, 24 de Outubro de 2008
O desempenho dos nossos actores

A nova maneira de representar

 

 

Sempre adorei os filmes portugueses onde actores inesquecíveis desempenham brilhantemente papéis fulcrais nos filmes que ainda se revêem com prazer. Lembro-me de seguir o fio do enredo com tanto prazer quanto se pode tirar de um filme. Eles encantavam com a sua interpretação tão viva e natural. Os actores vestiam a pele da personagem como se da sua própria se tratasse não se conseguindo distinguir a fronteira entre o actor e a personagem. Porém, e alguns anos após tão fantásticas interpretações/ representações, parecíamos haver caído num espécie de representação que em nada se assemelhava àquilo que havíamos conseguido fazer com aqueles maravilhosos actores que todos conhecemos e adoramos ou à vida real. Parecia querer-se fundar uma nova escola e tentar uma nova espécie de interpretação que nada tinha de natural ou espontâneo. Foi aí que eu me desliguei das artes dramáticas. Nada me diziam. Ainda me lembro do furor das telenovelas brasileiras que vieram, de certa forma, colmatar a sede e a fome de boas representações que havia naquela época. Eu não me revia, em nada, naquela forma portuguesa de representar e quando falavam das diferenças entre a brasileira e a portuguesa, era sempre esta que perdia no que à minha bitola dizia respeito. Desde pequena que devorei sempre os filmes norte americanos com a sua forma brilhante de representar e sempre estranhei esta forma portuguesa de representar. Mas havia quem a justificasse e até a defendesse quando trocava ideias com pessoas mais ligadas às artes. Eu, na minha simplicidade, não compreendia como, e após se ter atingido um memorável apogeu de boas representações, havíamos caído numa forma tão particular de representar que nada me dizia. Sempre fui e sou da opinião que há que melhorar tudo quanto fazemos mas para tentar uma nova via na representação é preciso estar certo de que é essa a melhor forma de representar. Para mim, uma boa representação/interpretação é aquela que se parece à vida real, confundindo-se com ela. Lembro-me de uma célebre actriz portuguesa, numa entrevista ter manifestado a sua opinião tão parecida à minha, também ela não aceitava uma representação que se desmarcasse da vida real mas como em tudo neste país, também ela dizia que iria levar algum tempo até se perceber ou aceitar que a representação não poderia ir nesse sentido. E tanto que não podia que faliu. Agora, temos umas produções que, juntamente com umas interpretações brilhantes pregam pessoas às televisões que seguem a ficção portuguesa com muito interesse. Esta forma de representar natural, que se assemelhe à vida real, não só válida para os filmes ou para as telenovelas, é também válida para o teatro. Para mim toda e qualquer forma de representação tem de ser dotada da naturalidade e espontaneidade capaz de se confundir com a vida real. Só assim ela será credível.

 



publicado por fatimanascimento às 20:27
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

mapa mensal desde 7 de Junho de 2008
ip-location
mais sobre mim
contador
Free Web Counters
Free Counter
Agosto 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

sociedade e desigualdade

“Vai abrir a porta, filha...

Verdade, jornalismo e… co...

Refugiados

Esquerda unida

Evolução

Eleições e pensamento

Fiadores

Nova forma de trabalho es...

Combater a natureza com a...

arquivos

Agosto 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

tags

todas as tags

favoritos

Devemos ser mesmo maus na...

A manifestação de Braga

links
leitores on line
online
URGENTE!
www.greenpeace.pt
sapo
blogs SAPO
subscrever feeds